Público das touradas continua a decrescer

O relatório “Estatísticas da Cultura 2019” publicado pelo Instituto Nacional de Estatística, revela que os espetáculos de circo já têm mais público que as touradas em Portugal.

O mais recente relatório estatístico do INE, mostra que, em 2019, as touradas tiveram 283.592 espectadores, muito longe de “cerca de meio milhão de espectadores” anunciado pela federação Prótoiro. Como se pode verificar nos dados do INE, as touradas foram dos espetáculos ao vivo com menor aderência de público, apenas à frente dos “Recitais de Coros”. Os espetáculos de Circo, pela primeira vez, conseguiram superar os espetáculos tauromáquicos, bem como o Folclore e a Dança. No topo das preferências dos portugueses estão claramente os espetáculos de música, o teatro e os espetáculos “mistos e de variedades”.

Tipo de Espetáculo Espectadores
Música 8 978 562
Teatro 2 189 770
Mista/Variedades 1 562 220
Multidisciplinares 1 270 186
Outras modalidades 1 489 161
Dança 533 322
Folclore 419 237
Circo 288 712
Touradas 283 592
Recitais de Coros 130 948
Estatísticas da Cultura 2019 – Instituto Nacional de Estatística.

Recorde-se que os dados apurados pelo INE baseiam-se na bilhética (bilhetes vendidos e oferecidos) enquanto a Inspeção Geral das Atividades Culturais continua a basar-se em estimativas feitas “a olho” pelos Diretores de Corrida nomeados para as touradas.

Em 2019 a IGAC contabilizou mais 100.000 espectadores nas touradas do que o INE, o que demonstra bem a forma pouco rigorosa como os dados foram apurados.

Comentários

comentários