Bosch anuncia que ‘jamais apoiará touradas’

bosch_touradas

O logotipo do Grupo foi usado de forma abusiva na promoção das touradas em Albufeira.

Os folhetos de promoção às corridas de touros realizadas na praça de Albufeira, distribuídos publicamente, apresentavam o símbolo da conceituada empresa Bosch. A estranha situação (uma vez que há muito que as grandes marcas internacionais se recusam a associar a sua imagem a eventos sangrentos e que implicam a violência e o sofrimento de animais), foi comunicada ao grupo Bosch na Alemanha e motivou uma imediata reação e esclarecimento da empresa, que se desmarca totalmente da promoção das touradas:

“O fundador do Grupo, Robert Bosch, tornou a responsabilidade social um valor fundamental da sua empresa, e hoje em dia este valor é promovido em todas as localizações Bosch no mundo. Desta forma, a Bosch não é, nunca foi e nunca será a favor deste tipo de evento.
 
Após averiguarmos a situação, descobrimos que a tourada foi apoiada por uma oficina que pertence a um conceito de Módulos da Bosch, que é um programa de certificação técnica. Estes senhores violaram o acordo assinado connosco e utilizaram indevidamente o logótipo da nossa empresa. Por isso, estão a ser tomadas medidas legais para evitar novo abuso da marca.”

A Plataforma Basta de Touradas saúda a postura da marca, que demonstra como esta atividade está condenada a desaparecer. Nenhuma marca nacional ou internacional quer estar associada à tauromaquia, e o exemplo da Bosch é apenas mais um, entre muitas marcas comerciais que, nos últimos anos, se têm distanciado desta anacrónica atividade.

Comentários

comentários